Conheça itens e possibilidades para deixar seus ambientes com aspecto retrô


Fazer uma decoração vintage ou retrô é uma forma de manter por perto memórias afetivas. Recriar espaços já conhecidos da infância ou adotar um estilo próprio de décadas passadas abre uma série de possibilidades para sua casa.  Para ajudar você a decorar com essa tendência, listamos 6 elementos para criar espaços confortáveis e cheios de nostalgia.

1. Tons amadeirados e a cor preta

Para quem ainda não sabe por onde começar a decorar com o estilo vintage, é bom fazer aos poucos, com pequenos detalhes que vão sendo incorporados aos ambientes. O material e as cores dos móveis ou acessórios podem ser o primeiro passo. Opte por peças amadeiradas e pequenos itens em tons escuros ou pretos.

Você pode usar vasos, quadros e pequenos potes com a cor para trazer o estilo proposto, considerando que ela não será predominante. Para ampliar o efeito, use móveis como gabinetes ou mesas de cabeceira que completam o ambiente com um ar retrô. No resto do ambiente, aposte em cores mais claras como o bege e o alaranjado no sofá, roupas de cama e nas paredes.

2. Móveis com pés palito: Destaque da decoração vintage

Uma das características desse tipo de decoração está no acabamento das peças usadas no ambiente. Os móveis com pés palito levam consigo atemporalidade e elegância como atributos marcantes, presentes em sofás, poltronas e mesas. Eles surgiram na década de 1950 e, curiosamente, tinham um desenho considerado futurista. 

O design desse tipo de móvel quebra linhas duras e a seriedade dos modelos mais robustos e dá lugar para leveza e otimização de espaços – isso porque seus pés abrem um espaço visual que dá a sensação de amplitude.

As famosas cadeiras Eames são exemplos clássicos desse tipo de móvel, sendo destaque no canto do home office, dentro do quarto ou junto à mesa de jantar.

3. Peças com fibras e tecidos para a decoração vintage

O estilo vintage tem outra marca importante que é a sensação acolhedora que proporciona ao ambiente. Mantas sobre o sofá, capas de almofadas trançadas e cobertores com tramas abertas criam essa atmosfera enquanto agregam conforto e aconchego em diversos espaços, desde o quarto até o canto da leitura.

Móveis e acessórios feitos com fibras, como o tapete sisal, também reforçam a estética retrô com um aspecto natural. São bem-vindas junto às plantas e em detalhes do lavabo, cozinha ou sala de estar.

4. Formas arredondadas

Espelhos, luminárias e mesas com acabamento arredondado também são destaques da tendência vintage. Essa forma suaviza o olhar e torna o ambiente convidativo e delicado, além de contribuir com a otimização de espaços na decoração. Uma mesa redonda, por exemplo, possibilita uma melhor circulação em ambientes pequenos – sendo ideais para adotar o estilo.

5. Pratos para decorar na decoração vintage

Outra maneira de fazer uma decoração vintage de um jeito atemporal é usar as paredes para adornar o ambiente. Os pratos são opções práticas para decorar os espaços com personalidade e até de uma forma temática. Ilustrações, personagens, marcas e retratos são apenas algumas das possibilidades para expor nas paredes de qualquer ambiente da casa.

6. Novos significados para acessórios conhecidos

A decoração vintage é um universo que permite ressignificar objetos e ambientes, tornando-os multifuncionais. Um regador que vira floreira, a caixa de ferramentas em madeira que agora é uma mini-horta e aquele pote de cozinha de vidro pode ser um porta-sabonetes no gabinete do banheiro, como um repositório ou despensa. Esta é a oportunidade de usar a criatividade para reutilizar acessórios e até contribuir com a sustentabilidade.


Não para datar os ambientes, mas a decoração vintage é uma forma divertida de estilizar a casa com conforto e charme. Aproveite as ideias e adicione sua própria linguagem nos ambientes. 

Foto divulgação Tok&Stok. Os produtos aqui expostos estão sujeitos a disponibilidade de estoque no portfólio atual.