Depois de escolher seu móvel, é hora de saber tudo sobre a manutenção. Aprenda a limpar e cuidar do guarda-roupa com este guia completo.


Ele organiza, mantém suas roupas arrumadas e está sempre te ajudando nos dias de maior pressa. O guarda-roupa é uma peça fundamental no quarto, oferecendo praticidade e facilitando o dia a dia. Por ser tão funcional, este móvel também fica mais exposto e precisa de cuidados para evitar o acúmulo de poeira e até formação de mofo – prejudicando sua vida útil e até a qualidade das roupas. 

Por isso, criamos este guia para ajudar você a limpar profundamente cada parte do seu móvel e cuidar do guarda-roupa para deixá-lo sempre como novo.


10 dicas de limpeza e manutenção para cuidar de guarda-roupas 

1. Comece retirando todas as roupas

Comece o seu processo de limpeza esvaziando seu guarda-roupa. Aproveite para rever peças que você não usa mais e separe para doar ou até fazer um bazar. Esse também é um bom momento para  segmentar as roupas e sapatos que vão permanecer no armário. 

Crie categorias por tipo, tamanho, material, cor e outros: jaquetas e casacos em uma seção, camisetas e itens casuais em outra e roupas de banho em uma gaveta. Você também pode separar roupas de inverno das de verão, além de colocar todos os calçados juntos para deixar os pares sempre à vista.

2. Deixe as roupas limpas

Para cuidar do guarda-roupa, manter as roupas limpas também é essencial. O ideal é guardar as roupas limpas, evitando que germes e infecções se espalhem. Isso é fundamental principalmente para roupas usadas ao ar livre, que podem ter sido expostas a bactérias e microrganismos.

Para lavagem, siga as instruções das etiquetas das roupas e separe-as por tipo para evitar manchas. Antes de guardar, certifique-se de que as roupas estejam bem secas antes de dobrá-las, pois a umidade na roupa pode levar ao crescimento de fungos no guarda-roupa.

3. Hora da limpeza do guarda-roupa

Antes de começar a limpeza, tenha em mãos tudo o que vai precisar: aspirador, panos limpos, mistura de água e sabão, produtos anti mofo e aromatizadores. O primeiro passo é tirar sujeiras visíveis e retirar todo o pó. Para cantos difíceis, uma escova de dentes será bastante útil.

Parte interna

Com o guarda-roupa completamente vazio, comece a limpeza de todas as superfícies internas do guarda-roupa com uma mistura de água e sabão neutro. Lembre-se de limpar todos os cabides, hastes, ganchos, dobradiças e gavetas. Capriche nas partes onde você tem mais contato, como puxadores e extremidades das portas.

Em seguida, use um pano limpo e seco para tirar o excesso da mistura. Quando as superfícies estiverem secas, coloque produtos anti mofo para ajudar a manter a qualidade das roupas.

Parte externa

Na parte externa do seu guarda-roupa, use um pano seco para tirar a poeira e uma flanela ou pano de microfibra. Depois, passe a mistura de água com sabão neutro em toda a superfície externa. Se o seu guarda-roupa tem espelho, utilize uma mistura de água e detergente e passe com um pano macio. Depois, retire o excesso com um papel toalha ou pedaço de jornal em movimentos circulares.

Não se esqueça da parte de cima do guarda-roupa: esta é a área que mais acumula poeira e pode ser uma vilã para os alérgicos. Nesse caso, faça a limpeza dessa superfície com uma frequência maior usando um pequeno aspirador ou pano úmido para não espalhar o pó no ambiente.

Leia também:
Como cuidar do sofá em 5 passos simples
Modelos de tapetes: Guia para decorar e cuidar

4. Mantenha o guarda-roupa longe de umidade

Evite instalar seu guarda-roupas em locais que tenham umidade. Além de prejudicar a própria estrutura do móvel, suas roupas também podem estragar com a criação de mofo. Se isso não for possível, deixe as portas abertas pelo menos uma vez na semana para que entre ventilação.

Outra dica para ajudar a absorver a umidade de armários e evitar o mofo é usar giz de lousa escolar nos cantos do guarda-roupa. Coloque-os dentro de um copo de plástico e troque a cada mês para renovar o processo. Além disso, deixe o guarda-roupa a pelo menos 7cm de distância da parede. 

5. Equilibre o peso entre as prateleiras

Cada móvel possui uma especificação do peso que suporta, e não respeitar essa regra pode comprometer a estrutura do seu guarda-roupa. Verifique as normas e orientações do fabricante para cada prateleira e gavetas. 

6. Mantenha a limpeza em dia e com os produtos indicados

Essa prática é essencial para evitar a proliferação de mofo e ainda retirar possíveis traças que podem danificar tanto seus objetos quanto o material do móvel. Até mesmo depois de colocar todas as roupas de volta no guarda-roupa, mantenha as peças sempre limpas e organizadas. 

Também é importante usar apenas esponjas e materiais macios na hora da limpeza do guarda-roupa, para que a madeira não fique com marcas e possa estragar ao longo do tempo.

7. Não utilize produtos químicos

A superfície dos produtos pode se deteriorar com o uso direto de produtos químicos na limpeza do guarda-roupa. Por isso, a orientação é usar detergente e sabão neutros diluídos em água apenas, além de produtos feitos para aquele material, como limpa móveis.

Saiba o que você deve evitar ao limpar o guarda-roupa:

  • Evite usar verniz, produtos de polimento ou cera;
  • Evite usar produtos químicos agressivos, pois podem manchar a superfície;
  • Evite colocar roupas ásperas ou escovas, pois podem deixar arranhões na superfície;
  • Evite a limpeza molhada –  a água pode escorrer e entrar na madeira, danificando a peça permanentemente. Use sempre um pano macio úmido.

8. Aromatize seu guarda-roupa

Outra maneira de cuidar do guarda-roupa é mantê-lo sempre com um bom cheiro, o que também é uma medida para avaliar se o armário está em boas condições internamente. Ao sentir mau cheiro nas roupas, ou ao abrir gavetas e portas, pode ser um sinal de mofo ou falta de manutenção.

Após a limpeza profunda, insira sachês, sabonetes e aromatizadores próprios para armários para manter o móvel e as suas roupas sempre cheirosos.

9. Crie uma frequência para fazer a limpeza do guarda-roupa

Seja a cada férias, todo final de ano ou até no seu aniversário, as limpezas anuais do armário são uma ótima maneira de manter o espaço organizado e fazer a manutenção do próprio móvel.

Limpar e cuidar do guarda-roupa uma vez por ano ajuda a evitar o acúmulo desnecessário de roupas, sapatos e acessórios. Por outro lado, algumas pequenas limpezas dentro desse período são necessárias, sejam semestrais ou sempre que você precisar descartar peças.

Leia também:
Como a aromaterapia influencia no bem-estar da casa
8 itens para organizar o quarto com estilo
4 paletas de cores para decorar quarto de casal

Aqui estão alguns sinais que mostram que é o momento de fazer uma limpeza geral no guarda-roupa:

  • Você tem itens iguais repetidos;
  • Peças que não servem mais pois estão há anos no armário;
  • Peças manchadas, rasgadas, quebradas ou descoloridas, impróprias para o seu uso ou de qualquer pessoa;
  • As portas do guarda-roupa não fecham;
  • Você precisa fazer pilhas de roupa fora do guarda-roupa ou fazer armazenamento adicional para roupas que estão sobrando.

10. Mantenha o móvel longe do sol

Como qualquer peça de madeira, o guarda-roupa pode ressecar com o sol, deixando o móvel frágil com o tempo. Por isso, se no seu quarto tem alta incidência de luz natural, tente posicioná-lo onde ela não alcança e coloque cortinas na janela para filtrar os raios solares.


Com este guia, vai ficar mais fácil deixar seu guarda-roupa sempre como novo. Uma vez que tudo está no seu devido lugar, a manutenção se torna mais simples ao longo do tempo.

Agora é sua vez: separe um dia de folga, coloque uma boa trilha sonora e renove seu guarda-roupa com esse tutorial completo que deixará seu dia a dia mais leve, funcional e prático.

Foto divulgação Tok&Stok. Os produtos aqui expostos estão sujeitos a disponibilidade de estoque no portfólio atual.